Programa Arrendamento NÃO Acessível? [página interactiva]
Setembro 27, 2019
Relatório: Intercâmbio de Organizadores Europeus de Inquilinos
Novembro 13, 2019
Mostrar tudo

O Pedro, a Julieta e seus três filhos eram mais uma família prestes a perder a sua casa, sem alternativas de como seguir na cidade onde têm a sua vida (ou em outro lugar qualquer). Procuraram por todo o lado alternativas, candidataram-se a todos os programas disponíveis da Câmara Municipal de Lisboa e do Governo, procuraram casa no mercado privado, dentro e fora de Lisboa e não conseguiam encontrar nada que seja compatível com o seu rendimento – de dois funcionários públicos com o ordenado mínimo – e a necessidade absoluta de alimentar os seus 3 filhos. Na Santa Casa da Misericórdia apenas lhe disseram que no momento do despejo fizessem chamar o 144 de forma a serem alojados em centros temporários ou pensões de emergência. Uma solução um tanto quanto sádica e impensável pela desestruturação familiar que iria trazer…

E foi assim que chegaram à Habita, cansados e indignados com a falta de resposta para a sua situação, vendo o problema muito maior do que conseguiam lidar e sem soluções reais, eles se juntaram à luta! Durante um ano deram a cara para denunciar a situação e cobrar juntos do poder público uma alternativa decente. Sem respostas, depois de um ano de diferentes tentativas, decidimos em assembleia da Habita, ir coletivamente ao Ministério apoiar Julieta e Pedro e cobrar uma resposta, para o que está a ser um problema cada vez mais frequente. Esta ação teve apoio e participação da Stop Despejos e de outras pessoas e colectivos que se juntaram à luta.

E a luta muda a vida! A Secretária de Estado para a Habitação Ana Pinho recebeu-nos e apesar de admitir que não existem actualmente respostas para tal problema, comprometeu-se a achar uma solução – que pedimos que fosse adequada à família. Esta semana tivemos a confirmação que ao invés de um despejo sem alternativa, eles terão uma casa!! Em breve irão mudar para um T3 em Lisboa, com preços compatíveis com seus rendimentos e com transportes por perto a permitir às crianças continuarem em sua escola!!

E é por isso que mesmo numa situação complicada e difícil é importante lutar! A solidariedade nos lembra que não estamos sós, pois é mais fácil prosseguir acompanhadas e, coletivamente lutando, conseguimos ir além! A vitória de Julieta e Pedro mostra-nos que quando pressionado, o governo encontra soluções e por isso não devemos abaixar os braços, mas levantarmos a cabeça e seguirmos até que Lisboa seja novamente uma cidade para todos e todas!

Parabéns a todas e a todos que foram solidários/as, parabéns ao Pedro e à Julieta que lutaram. Estamos juntas/os e A Luta Continua!!

#StopDespejos #ValeAPenaLutar

© Sabri Benalycherif